Choose your language

Press releases - Evento


Empresas alemãs identificam oportunidades no Brasil
País deve fechar o ano como o sexto maior mercado de TIC do mundo

 

Patricia Sobral

As empresas de tecnologia da informação alemãs apostam no Brasil. Segundo a consultoria IDC, o mercado brasileiro de tecnologia da informação e comunicação (TIC) deve crescer 5% neste ano, somando R$ 165,6 bilhões. A expectativa é que o Brasil encerre o ano como o sexto maior mercado do mundo.


Os tomadores de decisão dos setores público e privado no Brasil estão cada vez mais interessados em segurança e privacidade dos dados. Com o crescimento significativo da internet no país nos últimos anos, aumentou a preocupação com vazamento de informações, espionagem e quebra de sigilo de dados.


“O governo brasileiro oferece um pacote atraente de incentivos para promover maior crescimento do setor brasileiro de TI e pretende investir cerca de R$ 500 milhões em inovação e tecnologia da informação até o final de 2015”, conta Christian Kicherer, gerente de marketing da CenterTools Software.


Segundo ele, as empresas brasileiras percebem os produtos de TI alemães como confiáveis e de alta qualidade, o que favorece os negócios entre as empresas dos dois países. De acordo com relatório da BMI Research, publicado em junho passado, o volume de vendas do mercado de tecnologia da informação alemão em 2014 foi de 18,4 bilhões de euros, e a projeção de crescimento do mercado para 2015 é de 6%.


Para a Secusmart, empresa alemã especializada em soluções de segurança da informação, as denúncias de espionagem feitas pelo ex-analista de inteligência dos Estados Unidos Edward Snowden mudaram praticamente tudo na percepção sobre proteção de dados do público em geral. Cresceu o interesse por soluções de segurança da informação, com rápida expansão do mercado e o surgimento de novas empresas especializadas em proteção.


Na era pós-Snowden, a tecnologia antiespionagem alcançou o mesmo nível de reconhecimento que fornecedores de firewall, por exemplo, já têm apreciado por muitos anos.


Políticas de segurança


Christian Kicherer destaca a importância de se implementar soluções de segurança nos equipamentos pessoais utilizados para fins privados e de negócios. “Se o dispositivo for perdido ou roubado, os dados da empresa não criptografados são facilmente acessados. As empresas precisam criar padrões de conformidade para se proteger desse risco.”


Sobre proteção de aplicativos em nuvem, Kicherer explica que, se o provedor de serviços não possui uma política de segurança clara e responsabilidades operacionais, os aplicativos ou serviços colocados na nuvem estão em risco. Esta questão é muito importante, principalmente para setores com elevados padrões de segurança e conformidade.

 

it-sa Brasil

Local

Espaço Transatlântico - São Paulo, Brasil

Data

13 e 14 de Setembro, 2016
Horário: 8h30 às 18h

it-sa Brasil

Ponto de encontro ideal para profissionais de Tecnologia e Segurança da Informação .


Patrocinadores  





Apoio




5

1


Parceiros de mídia  







Transportadora Aérea Oficial